domingo, 25 de outubro de 2009

As vezes é muito difícil fazer a coisa certa.

Eu sempre comparo a minha vida atual com a minha vida de adolescente, é uma diferença tão grande que eu fico abismada, talvez seja porque ainda não me acostumei com o fato de ter que ser adulta, porque idade é apenas um número e não traz experiência, o que muda a gente é a vida.
Eu passei por algumas coisas até os meus atuais 24 anos e 6 meses, não sou uma pessoa experiente mas posso dizer que tenho vivência em algumas coisas que os meus próprios pais não passaram e talvez nem saberiam como lidar.
Não somos iguais, cada pessoa tem a sua história e cada um de nós escolhe como escrevê-la, algumas coisas são inevitáveis, acontecem porque acontecem, mas nós podemos decidir o que fazer com elas. As vezes a escolha está entre o certo e o errado, seja ele para você ou para outra pessoa, e pode ser muito difícil trilhar o caminho que você sabe que é o melhor mas que trará privações.
Hoje eu fiz o certo, posso até sentir que voltei ao antes, que algo voltou ao sem graça, mas tenho a consciência limpa e posso dormir tranquila. Antes sofrer um dia do que um ano inteiro.

Boa semana!

Um comentário:

vanessa disse...

eu acho que ninguém está livre desses conflitos todos... eu hoje como mãe, me vejo ainda filhinha, mimada, mas ao mesmoo tempo tenho que ser a mãe, enfim, muito complicado.

beijos!