quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Tão singelo

Ontem aconteceu algo que eu considerei como uma das coisas mais felizes em minha vida, sim, algo simples, singelo, mas muito bonito.
Tenho um colega de trabalho humilde, ele exerce a posição de contínuo e dia 14/10 foi o seu aniversário. Eu e minha amiga Duda fomos comprar presentes para ele, escolhemos uma calça, uma blusa pólo e um chocolate escrito Parabéns. O valor ficou dividido entre nós duas, meu chefe e minha outra amiga Rosana.
Na hora da entrega, eu primeiro dei os parabéns e ele esticou a mão para eu apertar, a minha reação foi dar um abraço, ora bolas, aperto de mão nesse dia especial?
Quando entregamos os presentes ele ficou tão feliz e emocionado que os seus olhos brilhavam. Depois quando as pessoas dispersaram e eu estava o ajudando a guardar tudo, ele me abraçou, assim, sem jeito, mas com uma energia inexplicável, algo que passou dele para mim e me deixou feliz, muito feliz.

Acredite quando dizem que a felicidade vem das pequenas coisas do dia-a-dia.

Eu chamo essas pessoas de amigas pois fazem parte da minha rotina, eu as vejo 5 dias por semana, pode até ser que a vida nos separe, mas pelo menos por enquanto, é com elas que eu divido muita coisa, inclusive a barra de chocolate.

3 comentários:

Ana disse...

tenho saudades de ter amigos assim, de conviver todo dia... quem sabe passo num concurso e posso sentir o q vc sentiu... entao vou vivendo solitaria trancafiada dentro de casa e com um blog =/

Cessel disse...

É muito bom fazer bem ao próximo. Temos uma sensação inexplicável, talvez até maior do que se fizessemos algo de bom para nós mesmos.

Wania disse...

Vc é especial, muito especial.!!!!!!!!!!!
Ti amo